Meio Ambiente e Saneamento

Implantados o PROGRAMA DE COMPLIANCE PÚBLICO e a REESTRUTURAÇÃO FINANCEIRA para recuperação da credibilidade da Saneago, que conseguiu ter suas contas aprovadas, com a exclusão de ressalvas existentes. 
RETOMADA DE OBRAS: Das 26 OBRAS PARADAS de sistemas de água e esgoto, 19 FORAM RETOMADAS ou estão em processo de licitação. A obra de ampliação de rede de esgoto e ampliação da ETE em Formosa foi retomada e já foi concluída.

REDEFINIDO O MODELO DE FISCALIZAÇÃO DE OBRAS para maior controle sobre fraudes/falhas. Reinspecionados contratos de obras, resultando em GLOSAS DE R$ 5 MILHÕES.

INVESTIMENTOS EM OBRAS DE SANEAMENTO NA ORDEM DE R$ 1,1 BILHÃO, sendo R$ 488 milhões de obras em andamento, R$ 208 milhões de obras licitadas e R$ 378 milhões em obras a licitar em 2019.

• Em Luziânia, estão sendo recuperados tubulação e reservatórios de antiga obra paralisada para que, ao menos, parte da população de Goiás (Entorno) possa receber a água do sistema produtor de Corumbá IV.
 
INCREMENTOS DE REDE:

a) 23.600 ligações de água nos primeiros 6 meses do ano, com 78 mil beneficiários diretos
b) 27.400 ligações de esgoto nos primeiros 6 meses do ano, com 90 mil beneficiários diretos.

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA: investidos R$ 10 milhões em instalação de usinas fotovoltaicas e motores-bomba, com retorno econômico anual de R$ 3,4 milhões.

MELHORIAS NO CANAL DE ATENDIMENTO AO CLIENTE, incluindo o uso de novas tecnologias (já gerou economia de R$700 mil desde o início do ano).

TRABALHO PREVENTIVO PARA NÃO FALTAR ÁGUA NAS CIDADES TURÍSTICAS, NA TEMPORADA DE FÉRIAS: melhorias nas redes; aumento da reservação; instalação de grupos geradores; interligação e novas captações; plantões 24h. Cidades atendidas: Aruanã, Aragarças, Pirenópolis, Trindade, Lagoa Santa, Três Ranchos e Alto Paraíso.
 
GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS
O conjunto de ações integradas do Governo – envolvendo SEMAD, SANEAGO e Secretaria de Segurança Pública, viabilizaram o enfrentamento do mais longo período de estiagem registrado na capital sem que se lançasse mão de rodízio no abastecimento de água em Goiânia e Região Metropolitana.

ELABORADO E EXECUTADO PLANO DE GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS DE GOIÂNIA E REGIÃO METROPOLITANA (março), que definiu AÇÕES PREVENTIVAS para garantir a disponibilidade de água para pessoas, animais, agricultura e indústria no período da seca. Dentre essas, foi publicado o Decreto de Alerta Hídrico na Bacia do Meia Ponte.

A SANEAGO realizou diversas iniciativas sobre as bacias críticas, manobras nos sistemas de abastecimento de água, melhorias operacionais, investimentos em equipamentos e na ampliação de reservatórios e na implantação de novas captações.

A SEMAD realizou ações de conscientização dos produtores rurais da Bacia do Meia Ponte, paralelamente a ações de fiscalização no que se refere às disposições do Decreto de Alerta Hídrico, com apoio da Secretaria de Segurança Pública.
 
Proprietários de barragens foram mobilizados, disponibilizando seus reservatórios de água para garantir o volume mínimo de vazão do rio Meia Ponte.
 
• Realizadas ações de conscientização, distribuição de material e ações educativas em shoppings, mutirões e na Temporada de Férias de Aruanã, com a campanha BANJA & SATO (SANEAGO).

PARA EVITAR CRISES FUTURAS, ESTÃO SENDO EXECUTADAS AÇÕES DE SEGURANÇA HÍDRICA NA REGIÃO METROPOLITANA DE GOIÂNIA (SANEAGO):

1) Contratado estudo hidrológico da Região Metropolitana de Goiânia e em Anápolis para planejamento de ações de médio e longo prazo para garantir adequado abastecimento de água;
 
2) Está em licitação a contratação de serviços de recuperação de vegetação de áreas de nascentes e margens do Rio Meia Ponte para sua revitalização e conservação (em licitação);

3) Realizado investimento de R$ 6 milhões na aquisição de equipamentos para reduzir o índice de perdas de água.
 
JUNTOS PELO MEIO AMBIENTE
• CRIADO O PARQUE ESTADUAL ÁGUAS LINDAS.

• Apresentado plano de ação para controle de segurança de barragens no Estado de Goiás.

• Criado o SISTEMA DE CADASTRAMENTO DE BARRAGENS ONLINE.

• Lançado o Programa “Juntos pelo Araguaia”, em parceria com o Governo Federal e governo do Mato Grosso. Maior projeto de recuperação de nascentes do país.

• Criado o Comitê de Bacia Hidrográfica dos Afluentes Goianos do Rio Araguaia – AGORA.

• Desenvolvidas ações de REFLORESTAMENTO EM 42 NASCENTES, no projeto Ser Natureza, em parceria com o Ministério Público Estadual (SANEAGO).