Governador anuncia a criação de um novo distrito industrial em Bonfinópolis

Ronaldo Caiado ressaltou que 112 empresas já assinaram contrato de instalação em Goiás

Com o objetivo de gerar mais empregos para os goianos, o governador Ronaldo Caiado anunciou a criação de um novo parque industrial em Bonfinópolis, município com quase 10 mil habitantes localizado na região metropolitana de Goiânia. O comunicado ocorreu durante o evento do último sábado, dia 29, durante a entrega das chaves de residências para 34 famílias da cidade no Residencial Campo Belo, construídas pela parceria Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Governo Federal/Caixa Econômica Federal (CEF) e prefeitura.

“Estamos atraindo investidores para todo o Estado, corrigindo as injustiças. É como eu sempre digo, não tem nenhuma política que dê tanto resultado para combater desigualdades regionais como a geração de postos de trabalho”, disse o governador. Ronaldo Caiado ainda lembrou que 112 empresas já assinaram contrato de instalação em Goiás.

Compete à Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás (Codego) a implementação do distrito com infraestrutura adequada dentro de um novo conceito de polo industrial lançado pela empresa estatal, o Condomínio de Desenvolvimento Econômico (CDE). A intenção é priorizar na proposta a nova economia, com avanços tecnológicos inclusive para explorar a produtividade primária.

“Temos investido de forma muito consciente na expansão da infraestrutura do Estado com a intenção de atrair mais empresas para Goiás. Seguindo a determinação do governador Ronaldo Caiado, queremos expandir a industrialização para as regiões que mais necessitam”, afirmou o presidente da empresa estatal, Marcos Cabral. A criação do novo condomínio em Bonfinópolis já foi votada e aprovada pelo Conselho de Administração da CODEGO e em breve as obras de infraestrutura devem começar.

O prefeito de Bonfinópolis, Kelton Pinheiro, ressaltou que a geração de empregos é a principal demanda do município atualmente, tendo em vista que 30% da população sai de Bonfinópolis para trabalhar em Goiânia. “Representa o desenvolvimento econômico da nossa cidade e a libertação municipal. Temos ainda uma dependência econômica do Estado, da União e de emendas parlamentares para fazer investimentos. Além disso, os nossos trabalhadores acabam deixando boa parte do salário em Goiânia, descapitalizando a nossa cidade. Por isso que a vinda de um distrito industrial é tão importante para gerar empregos diretos, que hoje é a principal demanda municipal, além de vários outros indiretos”, destacou.

O CDE será instalado em um município com amplo potencial de desenvolvimento, localizado em um vultoso centro empresarial entre Goiânia, Aparecida e Anápolis e a apenas 40 minutos do Aeroporto Internacional Santa Genoveva, na capital. E vale ressaltar que a vinda de novas empresas para a região também deve alavancar a economia das cidades vizinhas, como Caldazinha, Leopoldo de Bulhões e Goianápolis.

Área

O terreno do novo parque industrial será doado pelo município ao Estado e, posteriormente, repassado para administração da Codego. “Já consta em nosso plano diretor áreas voltadas para a expansão industrial do município. Temos em vista algumas áreas particulares que nós entraremos em negociação para adquiri-las e posteriormente repassar os terrenos para o Estado e para que a Codego possa implementar o polo industrial. A nossa meta é regularizar toda essa situação ainda neste primeiro semestre”, afirmou o prefeito.

 

Utilizamos cookies essenciais e tecnologicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.