Laboratórios Include abrem 450 vagas para novos alunos em Goiás

Por meio do Include, os alunos serão introduzidos ao mundo da tecnologia pelo ensino da robótica, programação, eletrônica, sensores e mecânica. Também há oficinas de empreendedorismo e IOT (internet das coisas). As inscrições podem ser realizadas até o próximo dia 28 de agosto

Os laboratórios de tecnologia Include estão com inscrições abertas para capacitação gratuita de jovens de 12 a 20 anos em Goiás. São 450 vagas abertas para as seis unidades instaladas no Estado - Alto Paraíso de Goiás, Cavalcante, Luziânia, Valparaíso de Goiás e Goiânia (duas). As inscrições podem ser realizadas até o próximo dia 28 de agosto, pelo link https://institutocampusparty.org.br/inscricao/.

As aulas estão previstas para terem início no dia 30 de agosto. Será a primeira turma do Include cujos alunos vão poder estudar presencialmente – formato híbrido, com o estudante tendo a opção de escolher online ou presencial. Os requisitos básicos para inscrição, além de ter entre 12 e 20 anos, é ser estudante de escola pública ou bolsista e residir na comunidade em que o laboratório se encontra. Em caso de empate, a classificação dos selecionados obedecerá a ordem de inscrição.

Por meio do Include, os alunos serão introduzidos ao mundo da tecnologia pelo ensino da robótica, programação, eletrônica, sensores e mecânica. Também há oficinas de empreendedorismo e IOT (internet das coisas).

O que é o Include

O Include tem como objetivo inserir jovens de comunidades carentes nos ambientes digitais, possibilitando o conhecimento dessas novas tecnologias e abrindo oportunidades de ingresso ao mundo digital, estudos e mercado de trabalho. “Os laboratórios são ambientes de conexão dos jovens com o futuro e suas profissões”, resume o secretário de Desenvolvimento e Inovação (Sedi), Marcio Cesar Pereira.

A implantação do Include é uma parceria do Governo de Goiás, por meio do Goiás Social, com o Instituto Campus Party. Os Includes são instalados em comunidades de baixa renda, projetados e equipados para oferecer gratuitamente à população cursos com metodologia e linguagem de software e hardware, desenvolvidos para a inclusão de jovens no mundo digital.

Unidades em Goiás

Goiânia

Colégio Estadual Joaquim Edson de Camargo

Centro de Educação Comunitária de Meninos e Meninas (Cecom)

Alto Paraíso de Goiás

Asjor - Associação Comunitária da Vila de São Jorge

Cavalcante

Colégio Estadual Elias Jorge Cheim

Luziânia

Instituto Federal de Goiás em Luziânia

Valparaíso de Goiás

Casa da Cultura Mestre Sabá

Fonte: Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Inovação  (Sedi-GO) 

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.