Entregas do Aluguel Social chegam a mais quatro municípios goianos

Mais de 1.600 famílias serão beneficiadas em Catalão, Cristalina, Luziânia e Valparaíso nos próximos dias. Programa Pra Ter Onde Morar – Aluguel Social ajuda a custear moradia com R$ 350 por 18 meses

O reforço na renda de famílias que vivem de aluguel chega, nesta semana, a 1.600 novos beneficiários de quatro municípios goianos. As equipes da Agência Goiana de Habitação (Agehab) realizam entregas do programa do Pra Ter Onde Morar – Aluguel Social em Catalão, Cristaliza, Luziânia e Valparaíso.

Nesta terça-feira (30/08), foram convocadas 500 famílias para o evento de entrega dos cartões do programa em Catalão, a partir das 13h30, no Centro de Convivência Social da Terceira Idade João Fayad.

Na quarta-feira (31/08), estão programados dois eventos. Primeiro, em Cristalina, a partir das 10 horas, no Ginásio de Esportes Daniel Ribeiro Filho e, depois, às 15 horas, em Luziânia, no Centro de Cultura e Convenções.

Em Cristalina são 291 famílias beneficiadas e em Luziânia, 209. Já em Valparaíso, a entrega ocorre a 629 beneficiários, quinta-feira (01º/09), às 9 horas, no ginásio da Escola Municipal Céu Azul.

O Aluguel Social é um programa de complemento de renda para famílias em situação de vulnerabilidade financeira, com aporte mensal de R$ 350 por 18 meses. Para receber o auxílio, os interessados se inscrevem no site da Agehab e informam situação social e econômica.

Após avaliação em cima dos critérios do programa, os inscritos são chamados a apresentarem a documentação que comprova a necessidade do reforço financeiro. Só então o beneficiário é aprovado para fazer parte do programa. Atualmente, o Aluguel Social atende mais de 31 mil famílias goianas em cerca de 60 municípios.

Para checar se o município onde vive está com inscrições abertas para o Aluguel Social, a família interessada pode acessar o site www.agehab.go.gov.br e conferir a listagem. No site da Agência também é possível conferir os critérios para se candidatar. São requisitos: ser maior de 18 anos ou emancipado, não possuir imóvel próprio e morar no município há 3 anos ou mais.

Fonte: Agehab

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.